fbpx


Encontrada alta prevalência de anorexia entre estudantes

Postado em 11 de novembro de 2003 | Autor: Patricia Logullo

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) avaliaram os hábitos e comportamentos alimentares de 279 meninas adolescentes, alunas de escola particular, e encontraram sintomas clássicos de anorexia nervosa em 21,1% delas. O estudo utilizou o questionário Teste de Atitudes Alimentares (EAT-26), reconhecido mundialmente e específico para o diagnóstico da doença.

As estudantes tinham entre 15 e 18 anos e foram acompanhadas por um mês. As que apresentaram sintomas da anorexia diferenciaram-se das 222 restantes pelo fato de apresentarem mais aversões alimentares: as anoréxicas relataram repugnância por açúcares e doces, o que não foi observado entre as alunas sem sintomas de anorexia. “A anorexia nervosa é caracterizada por uma restrição dietética auto-imposta, com padrão alimentar distorcido e acentuada perda de peso, pois está associada com medo intenso de engordar e à má percepção corporal”, definem os autores. “Por isso a importância da aplicação de programas de intervenção nutricional”.

Além do questionário EAT-26, aplicou-se recordatório alimentar de 24 horas, durante três dias e também um questionário de comportamento alimentar. Exceptuando-se as aversões por açúcares e doces, todas as meninas tinham, basicamente, preferências pelos mesmos alimentos na dieta habitual.

Referência (s)

Dunker KLL, Philippi ST. Hábitos e comportamentos alimentares de adolescentes com sintomas de anorexia nervosa. Rev Nutr. 2003;16(1):51-60.

Leia também



Cadastre-se e receba nossa newsletter