fbpx

Japoneses vivendo no Brasil consomem mais frutas

Postado em 8 de dezembro de 2006 | Autor: Patricia Logullo

Diversos estudos internacionais têm se proposto a avaliar a diferença entre a dieta de japoneses e de outras nações, principalmente quando ocorre migração. Em Bauru (SP), um grupo de pesquisadores avalia, desde 1993, as modificações na alimentação de isseis (pessoas nascidas no Japão) e nisseis (filhos delas, de segunda geração, já nascidos no Brasil). Trabalho que acaba de ser publicado mostra que essa população passou a consumir aqui mais frutas frescas e sucos, embora ainda esteja ingerindo quantidade de fibras abaixo do recomendado.

O trabalho avaliou 394 japoneses em 1993 e 327 em 2000, utilizando inquéritos alimentares baseados em porções. O trabalho verificou que o consumo de gorduras totais cresceu ao longo do período, mas às custas de ácido graxo oléico e linoléico (poliinsaturados), e com redução da ingestão de colesterol. Houve também redução da contribuição percentual calórica das proteínas. “Os níveis de ingestão de gordura total foram superiores aos observados na dieta habitual de japoneses residentes no Japão e inferiores ao consumo de nipo-americanos do Havaí e Califórnia”, comentam os pesquisadores.

A ingestão de cálcio, apesar de ter aumentado (pelo fato de o consumo de laticínios ter aumentado significativamente), e de estar acima do observado entre japoneses residentes no Japão, está ainda abaixo das recomendações internacionais. Os autores acreditam que houve “tendência de adesão a dietas mais saudáveis”. Sobre o aumento do consumo total de frutas, dizem: “enquanto a população brasileira em geral parece consumir menos que o recomendado para este grupo de alimentos, os nipo-brasileiros referem consumo habitual freqüente”.

Referência (s)

Castro TG, Bertolino CN, Gimeno SGA, Cardoso MA. Changes in dietary intake among Japanese-Brazilians in Bauru, São Paulo, Brazil, 1993-2000. Cad. Saúde Pública. 2006;22(11): 2433-2440. Disponível em:

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2006001100017&lng=en&nrm=iso. Acessado em 08/12/06.

Leia também