fbpx


Suco de laranja fortificado aumenta concentração sérica de vitamina D

Postado em 4 de dezembro de 2003 | Autor: Camila Garcia Marques

Pesquisadores da Universidade de Medicina de Boston estudaram a biodisponibilidade da vitamina D fortificada no leite integral, no leite desnatado, no óleo de milho e no suco de laranja. O melhor resultado foi encontrado com o suco de laranja fortificado, ao mesmo tempo, com cálcio e vitamina D: a concentração sérica de vitamina D aumentou em 150% entre pessoas que tomaram o suco. Emtre indivíduos que tomaram suco de laranja fortificado apenas com cálcio, o aumento foi de 45%.

“Tivemos interesse em estudar os alimentos fortificados com vitamina D devido ao fato de muitas pessoas serem alérgicas ou intolerantes à lactose e não conseguirem atingir a ingestão diária recomendada da vitamina, que, para crianças e adultos até 50 anos de idade, é de 200 UI por dia ”, explicam os autores. A vitamina D e o cálcio são importantes para prevenir o raquitismo em crianças, a osteomalácia e a osteoporose, freqüente em adultos. O trabalho mostrou que oferecer vitamina D junto com o cálcio é melhor do que isoladamente e que essa fortificação pode ser feita em alimentos que não são fontes naturais do cálcio, como o suco de laranja. Assim, evita-se o consumo obrigatório do leite.

Os indivíduos que participaram da pesquisa foram divididos em dois grupos. O primeiro consumiu leite desnatado, leite integral ou diluído em óleo de milho ingerido com torrada, fortificados com vitamina D (25.000 UI). Participantes deste grupo passaram por três períodos da pesquisa, pois assim consumiriam cada tipo de alimento. O segundo grupo recebeu suco de laranja fortificado com 1.000 UI de vitamina D e 350 mg de cálcio ou ingeriu suco de laranja apenas fortificado com 350 mg de cálcio. A escolha dos indivíduos que receberiam cada fortificação foi aleatória, e tanto os participantes quantos os pesquisadores não sabiam quem pertencia a qual grupo (estudo duplo-cego).

Os resultados encontrados na fortificação dos leites e óleo de milho foram um aumento da concentração sérica de vitamina D nas primeiras horas de consumo (até 12 horas) e um retorno aos valores padrão no final do período analisado (72 horas), para cada alimento testado. Já o sucesso com o suco de laranja fortificado com cálcio e vitamina D durou até o final de estudo (12 semanas).

Referência (s)

Tangpricha V, Koutkia P, Rieke SM, et al. Fortification of orange juice with vitamin D: a novel approach for enhancing vitamin D nutritional health. Am J Clin Nutr. 2003;77(6):1478-83.

Leia também



Cadastre-se e receba nossa newsletter