fbpx


Você sabe para que serve a vitamina D?

Postado em 24 de dezembro de 2020 | Autor: Redação Nutritotal

Faça nosso teste e conheça os usos por trás desse nutriente

Encontrada em alimentos como carnes, peixes, queijos, leite, ovos e cogumelos, além da absorção dos raios solares, a vitamina D é um composto essencial para o corpo humano, e que pode prevenir uma série de doenças. De uns meses pra cá, ela tem se popularizado ainda mais como uma possível aliada contra o novo coronavírus. É por essas e outras que muita gente quer saber: afinal de contas, para que serve a vitamina D?

A resposta dessa pergunta, em parte, está nos efeitos que a deficiência dessa vitamina provoca no organismo. Para começar, sua falta está associada a um maior risco de mortalidade. Tanto é que, muitas vezes, pode ser necessário suplementá-la. Mas os riscos não param por aí. Para saber o que mais a falta de vitamina D pode desencadear, além de suas recomendações e efeitos, faça nosso teste a seguir e descubra as respostas:

Teste: para que serve a vitamina D?

Para cada uma das perguntas a seguir, clique sobre a alternativa que considerar correta e confira a resposta.

Mulher segurando cápsula de vitamina D e copo de água

Imagem: Freepik

1. Baixos níveis de vitamina D podem estar associados a sintomas de depressão em pacientes idosos. Essa afirmação é:

Quem respondeu A, acertou. Um estudo publicado pelo Nutrition Journal e feito em idosos no sul do Brasil mostrou que a vitamina D sérica baixa pode estar associada a um risco aumentado de distúrbios neuropsiquiátricos. Segundo uma comparação, pacientes com deficiência do nutriente podem ter até três vezes mais chances de desenvolver esses distúrbios do que aqueles com quantidades suficientes do composto no organismo.

2. O suplemento de vitamina D pode ser indicado para crianças que estão desnutridas. Isso porque a vitamina:

Ponto para quem disse D. A deficiência de vitamina D é comum em crianças com desnutrição severa. Mas é possível contornar o quadro por meio de acompanhamento médico e nutricional. A reposição adequada do nutriente ajuda na melhora do ganho de peso, no fortalecimento de músculos, nas funções neurológicas e no sistema imunológico.

3. Quando usada no combate ao câncer, a vitamina D:

Se você disse B, acertou. Um estudo do Journal of Clinical Oncology apontou que o uso de suplementação com vitamina D para prevenção primária do câncer é importante, pois diminui a mortalidade relacionada à doença uma vez que ela é diagnosticada. Contudo, a vitamina não tem um papel ou efeito na prevenção do câncer.

4. Suplementar vitamina D pode reduzir o risco de doenças do coração. Essa afirmação é:

A alternativa correta é B, mito. Em uma análise científica publicada pelo JAMA Network, a suplementação de vitamina D não foi associada com redução de doenças cardiovasculares como infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC). Com isso, o estudo sugere que a suplementação de vitamina D não apresenta proteção cardiovascular e não é indicada para esse fim.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Gilciane C. et al. Lower serum 25-hydroxycholecalciferol is associated with depressive symptoms in older adults in Southern Brazil. Nutrition Journal, 2020.

Javeria S. et al. High-dose vitamin D3 in the treatment of severe acute malnutrition: a multicenter double-blind randomized controlled trial. The American Journal of Clinical Nutrition, 2018.

Estudo aponta benefícios da vitamina D3 no tratamento contra a desnutrição. ABRAN, 2018.

Varun S. et al. Role of vitamin D supplementation for primary prevention of cancer: Meta-analysis of randomized controlled trials. Journal of Clinical Oncology, 2019.

Mahmoud B. et al. Vitamin D Supplementation and Cardiovascular Disease Risks in More Than 83 000 Individuals in 21 Randomized Clinical Trials. JAMA Network, 2019.

-

Assine nossa newsletter: