fbpx

Estudo mundial aponta que a anorexia nervosa pode estar associada a mutações genéticas

Postado em 31 de agosto de 2019 | Autor: Redação Nutritotal

Dados mostram ainda que as mulheres sofrem mais com a doença do que homens

Mulher deitada no sofá com expressão triste dando garfada em um prato que contém apenas um pequeno pedaço de legume

Pessoas com anorexia nervosa comem muito pouco e podem ter uma imagem distorcida de si mesmas | Imagem: Shutterstock

A anorexia nervosa é um transtorno alimentar que está relacionada à perda de peso excessiva nas pessoas e baixo consumo de alimentos e calorias. Quem sofre com essa doença costuma ter uma imagem distorcida de si mesmo, achando que está acima do peso, por exemplo.

Se não tratada o quanto antes, a doença pode até vir a ser fatal. E para entender melhor como ela age, um estudo divulgado pelo periódico Nature Genetics apontou que a anorexia nervosa pode estar associada a mutações genéticas do organismo.

Segundo a pesquisa, a doença é complexa e grave, afetando de 0,9% a 4% das mulheres e 0,3% dos homens. E para diminuir esses números, os pesquisadores estudaram a associação entre os genes de 16.992 casos de anorexia nervosa para descobrir suas origens.

Relações mentais

Como resultado do estudo, os cientistas observaram que as mudanças genéticas de quem sofria de anorexia nervosa podiam estar associadas a distúrbios psiquiátricos, atividade física e até características metabólicas como o índice glicêmico, tudo isso de maneira independente dos efeitos ligados à redução do índice de massa corpórea.

Com isso, eles afirmam que estudar o metabolismo poderia ajudar a descobrir uma forma de prevenir a doença, e que prestar atenção tanto nos componentes psiquiátricos quanto metabólicos pode ser a chave para melhorar os resultados no combate à doença.

Vale lembrar que se você conhece alguém que esteja sofrendo com problemas de anorexia nervosa, não deixe de dar apoio e indicá-lo a um profissional de saúde, para orientá-lo a respeito de como tratar a doença.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referência bibliográfica:

Watson H. Genome-wide association study identifies eight risk loci and implicates metabo-psychiatric origins for anorexia nervosa. Nature Genetics, 2019.

Leia também