fbpx


O que é bom para anemia na gravidez?

Postado em 28 de agosto de 2020 | Autor: Redação Nutritotal

Alimentação pode ser importante aliada na prevenção e tratamento da doença

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que 41,8% das mulheres grávidas no mundo sejam anêmicas. Mas como se cuidar? Afinal, o que é bom para anemia na gravidez? Se você está com essas dúvidas, primeiro, vale saber que ao desconfiar do quadro é importante consultar seu médico ou nutricionista para entender como lidar com o problema. Mas também vale ficar atento à alimentação em casa para se cuidar.

A causa da anemia pode variar, desde doenças parasitárias até deficiências de micronutrientes. Dentre elas, a mais comum, de acordo com um estudo de revisão publicado pelo periódico The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine é a falta de ferro. Ainda segundo o trabalho, o quadro pode ser considerado um fator de risco para o nascimento de bebês prematuros, por isso é fundamental tratá-lo adequadamente.

A seguir, listamos algumas dicas que podem te ajudar por meio da alimentação saudável:

Afinal, o que é bom para anemia na gravidez?

Veja opções também para mulheres vegetarianas e veganas.

Mulher grávida sentada em frente a computador comendo laranja em pote

A alimentação balanceada é fundamental para uma gestação saudável | Imagem: Freepik

Alimentos de origem animal

Opções magras de carne bovina, com consumo moderado, são fontes de ferro na alimentação. Segundo a nutricionista Ana Carolina Vicedomini, um bife tem cerca de 4 mg de ferro e pode ser incluído na dieta da gestante.

De origem vegetal

Já se a mulher for vegetariana ou não quiser consumir carne, também há ótimas opções vegetais ricas em ferro. Ana Carolina sugere duas delas: o feijão, que em uma concha possui cerca de 2 mg do nutriente, e a couve, onde duas colheres de sopa podem proporcionar até 0,8 mg de ferro.

Um pouco de acidez

Segundo a nutricionista, as frutas cítricas ricas em vitamina C como a laranja, a acerola e o limão, quando consumidos após as refeições, podem ajudar no processo de absorção de ferro.

Vitamina indispensável

Além da vitamina C, outro nutriente importante para a saúde da gestante é a vitamina A. O baixo nível de retinol sérico durante a gravidez foi investigado em um estudo do European Journal of Nutrition, que associou a falta da vitamina A com a anemia materna no parto em mulheres amazônicas. Alimentos ricos nesse nutriente podem incluir vegetais, cenouras, mamão e óleo de peixe. Para saber mais vitaminas importantes na gravidez, clique aqui.

Assista também: 4 dúvidas sobre ganho de peso na gravidez

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Ana Carolina Vicedomini é nutricionista pós-graduada em Terapia Nutricional e Nutrição Clínica pelo Ganep Educação, mestranda em Ciências em Gastroenterologia com ênfase em composição corporal do idoso na Faculdade de Medicina da USP e tutora do Ganep Educação. É também colunista convidada do Nutritotal Público Geral e tem em sua trajetória a área clínica hospitalar, atendimento em homecare e consultório. Acredita que a nutrição através da alimentação é importante para promoção da saúde e da qualidade de vida! Instagram: @nutricarolvicedomini.

Shoboo R. et al. The relationship between maternal anemia during pregnancy with preterm birth: a systematic review and meta-analysis. The Journal of Maternal-Fetal & Neonatal Medicine, 2018.

Paulo N. et al. Effect of Vitamin A status during pregnancy on maternal anemia and newborn birth weight: results from a cohort study in the Western Brazilian Amazon. European Journal of Nutrition, 2018.

-

Assine nossa newsletter: