fbpx

Jantar tarde e pular o café da manhã pode aumentar o risco de infarto

Postado em 15 de junho de 2019 | Autor: Redação Nutritotal

Estudo feito no Brasil aponta a importância de se seguir refeições regradas no dia a dia

Homem de terno apressado saindo da cozinha

Não comer nada no café da manhã ou ingerir apenas líquidos pode prejudicar a saúde, segundo o estudo | Imagem: Shutterstock

A nutrição pode ajudar a desempenhar um importante papel na prevenção e tratamento das doenças cardiovasculares. E um novo estudo brasileiro reforça que um padrão alimentar saudável sem pular refeições pode colaborar com a saúde do coração, evitando o risco de infarto.

Trata-se de uma pesquisa feita na Faculdade de Medicina de Botucatu – Unesp, no Brasil, e divulgada no European Journal of Preventive Cardiology. O trabalho sugere que os hábitos de pular o café da manhã e jantar tarde podem estar associados a problemas de saúde.

Entre as possíveis doenças e riscos, o estudo citou a obesidade, a resistência à insulina e o aumento de doenças cardiovasculares, como infarto e angina.

Risco de infarto (e outros) eminente

Os pesquisadores analisaram 113 pacientes e compararam os hábitos alimentares de cada um. O café da manhã feito de maneira errada foi considerado pelos cientistas como uma refeição sem alimentos (tenha sido ele à base de bebidas, como água e café, ou até sem bebidas, em um jejum total).

A mesma análise foi feita com o jantar tardio, que foi realizado com menos de duas horas antes de dormir. Em ambas as refeições, a incidência com que esses hábitos foram praticados era de três vezes por semana.

Como conclusão, a associação entre pular o café da manhã e jantar tarde pode aumentar de quatro a cinco vezes a probabilidade de morte, reinfarto e angina pós-infarto nos pacientes.

O estudo reforça os efeitos negativos de deixar de fazer a primeira refeição do dia. Há outras pesquisas que mostram os riscos associados ao mau hábito, como o aumento das chances de desenvolvimento de diabetes tipo 2.

Por isso, procurar um profissional de saúde é fundamental para auxiliar na dieta do dia a dia, a fim de evitar doenças cardiovasculares e outros males.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referência bibliográfica:

Vieira M. et al. Skipping breakfast concomitant with late-night dinner eating is associated with worse outcomes following ST-segment elevation myocardial infarction. Eur J Prev Cardiol., Faculdade de Medicina de Botucatu, 2019.

Leia também