fbpx


Sobrou arroz na geladeira? Aprenda uma receita para reaproveitar

Postado em 2 de junho de 2020 | Autor: Redação Nutritotal

Faça a sua refeição ficar mais criativa e saborosa

Preparar aquele arroz fresquinho, temperado com cebola e alho refogado, e muitas vezes acompanhado de vegetais como cenoura e brócolis, é um hábito bastante comum nos lares brasileiros. O grão é tão apreciado por aqui que é possível até reaproveitá-lo depois de cozido em pratos igualmente deliciosos. E neste post, você aprende uma nova receita com sobra de arroz!

Mais do que um saboroso bolinho de arroz, você pode usar arroz cozido que sobrou na geladeira para montar deliciosos dadinhos com queijo. Quer aprender a receita? Confira o passo a passo abaixo ensinado pela nutricionista Roberta Lara:

Receita com sobra de arroz: dadinhos com queijo

Preparo fácil e rápido!

Dadinhos de arroz dentro de panela verde sobre tábua de madeira em mesa. Ao fundo, tigela com arroz

Preparo serve como aperitivo | Imagem: Shutterstock

Rendimento: 10 porções
Tempo de preparo: 30 min.

Ingredientes:

  • ½ col. (sopa) de alho picado
  • 2 e ½ xíc. (chá) de arroz cozido
  • ½ xíc. (chá) de queijo parmesão ralado finamente
  • 2 ovos (um inteiro e outro ligeiramente batido)
  • ½ xíc. (chá) de requeijão cremoso
  • Salsinha picada a gosto
  • 2 xíc. (chá) de farinha de aveia
  • Sal e pimenta a gosto
  • 500 g de mussarela cortada em cubos pequenos

Modo de preparo:

  1. No processador, coloque o alho, o arroz, o parmesão, o ovo inteiro e o requeijão. Bata até formar uma massa.
  2. Desligue o processador e misture a salsinha picada a gosto.
  3. Misture numa tigela a farinha de aveia, o sal e a pimenta e reserve.
  4. Pegue pequenas porções da massa, recheie com 1 cubo pequeno de mussarela e modele no formato de dadinho.
  5. Passe no ovo ligeiramente batido e em seguida na mistura de farinha da tigela.
  6. Asse os dadinhos em forno preaquecido até ficarem dourados. Se preferir, decore com cebolinha.

Grão polivalente

Além de ser uma delícia, o arroz também é bastante nutritivo. Segundo um estudo publicado pelo periódico Theory Application Genetic, o grão ajuda a atender as demandas diárias de energia e parte dos requisitos de proteína. E sua versão integral possui mais minerais, vitaminas, fibras alimentares, micronutrientes e compostos bioativos.

A pesquisa também apontou que o arroz pode ser uma fonte de vários nutrientes essenciais para beneficiar a saúde humana e até prevenir algumas doenças crônicas.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referência bibliográfica:

Roberta Lara é proprietária e responsável técnica do Instituto de Nutrição Roberta Lara. Mestre e doutora em Investigação Biomédica, na área de Concentração Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP). Pesquisadora colaboradora do Laboratório de Genômica Nutricional (LABGEN) da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Membro do Núcleo de Nutrição e Saúde Cardiovascular do Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Membro do Comitê Científico Consultor Institucional Life Sciences Institute (ILSI). Instagram: @robertasoareslara Facebook:  Instituto de Nutrição Roberta Lara.

Zhao, M., Lin, Y. & Chen, H. Improving nutritional quality of rice for human health. Theor Appl Genet 133, 1397–1413 (2020)

-

Assine nossa newsletter: