fbpx

Comorbidades relacionadas à má alimentação marcam grupos de risco da Covid-19

Postado em 11 de abril de 2020 | Autor: Redação Nutritotal

Entenda a relação entre o novo coronavírus e doenças como diabetes e hipertensão

Mulher com máscara, em casa, e limpando as mãos com álcool gel

O distanciamento social é uma importante medida para evitar a propagação do vírus, além da higienização das mãos | Imagem: Shutterstock

Em tempos em que a pandemia da doença Covid-19 é uma realidade mundial, é necessário se atentar aos principais grupos de risco para evitar que eles tenham contato com o vírus. Entre os mais vulneráveis ao contágio, segundo um estudo publicado no periódico The Lancet, estão aqueles acometidos por comorbidades relacionadas à má alimentação.

De acordo com a pesquisa, em um grupo de 1.099 pacientes com Covid-19, 173 deles tinham doenças como diabetes, hipertensão arterial, doenças coronárias e cerebrovasculares.

Os grupos de risco da Covid-19

Isso acontece porque o novo coronavírus (que os cientistas chamam de SARS-CoV-2) se liga às células por meio de uma enzima presente em vários órgãos, como pulmões, intestino, rins e nos vasos sanguíneos. As chances são aumentadas para os pacientes em tratamento com inibidores da ECA, que são usados no tratamento de hipertensão, e nos bloqueadores dos receptores da angiotensina II tipo I, utilizados em pacientes com diabetes. Isso pode intensificar a propagação do vírus e, consequentemente, fazê-los desenvolver problemas mais graves ou até mesmo fatais.

Segundo os pesquisadores, ainda faltam estudos mais detalhados para entender melhor a relação desses grupos de risco com a Covid-19. A recomendação, entretanto, é que pacientes com doenças cardíacas, hipertensão ou diabetes precisam ser monitorados quanto ao uso de medicamentos e devem evitar contato presencial com outras pessoas, a fim de evitar o contágio e propagação.

Vale destacar que, além desses pacientes, se encaixam nos grupos de risco da Covid-19 idosos, gestantes e pessoas com doenças respiratórias. A todos eles, é importante redobrar os cuidados preventivos, que também incluem a higienização das mãos, não compartilhar objetos pessoais e manter os ambientes bem ventilados.

Leia também: O que a ciência já sabe sobre a alimentação e o novo coronavírus

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Fang L. et al. Are patients with hypertension and diabetes mellitus at increased risk for COVID-19 infection? The Lancet, 2020.

Ministério da Saúde2020.

Leia também



Assine nossa newsletter: