Quem tem intolerância à lactose pode tomar a vacina do sarampo?

Postado em 15 de agosto de 2019 | Autor: Redação Nutritotal

Com o aumento do surto da doença, é importante entender as contraindicações para a vacinação

Mulher recebendo aplicação de vacina de médico no braço

Campanhas estão sendo realizadas para aplicação de doses de reforço contra o sarampo | Imagem: Shutterstock

Nas últimas semanas, a cidade de São Paulo, além de outras capitais brasileiras, teve um aumento significativo nos casos confirmados de sarampo, uma doença extremamente contagiosa, que, por representar uma infecção grave, pode evoluir em complicações e até causar mortes.

Por isso, nos locais em que os casos estão crescendo, estão sendo realizadas campanhas de vacinação para a aplicação de doses de reforço contra o sarampo, especialmente em pessoas entre 15 e 29 anos.

Porém, uma dúvida a respeito de quem pode  tomar a vacina do sarampo chamou a atenção por meio do compartilhamento de notícias e informações nas redes sociais e aplicativos de conversa. Quem tem intolerância à lactose pode ser imunizado contra a doença?

E a resposta é: sim, pessoas com intolerância à lactose podem tomar a vacina contra o sarampo. De acordo com uma nota conjunta divulgada pelas Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) e pela Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), a vacina tríplice viral, que além do sarampo também imuniza o paciente contra caxumba e rubéola, contém traços de uma substância chamada lactoalbumina.

Por conta disso, ela é contraindicada apenas para pessoas com alergia grave à proteína do leite de vaca, mas, tanto crianças quanto adultos que tenham a intolerância à lactose podem utilizar essa vacina, sem riscos, pois são situações diferentes.

A intolerância, no caso, está relacionada ao carboidrato do leite. Ela acontece por conta da dificuldade do organismo em digerir e absorver o açúcar do leite (lactose) pois tem diminuição ou ausência de lactase, que é a enzima que digere esse açúcar. Já a alergia à proteína do leite de vaca (APLV) é, como o nome diz, uma reação alérgica, e que está relacionada diretamente à proteína da bebida. Ela é mais comum em bebês e mais rara em adultos.

Contraindicações para a vacina do sarampo

Além de crianças com alergia grave à proteína do leite de vaca, outros grupos contraindicados para tomarem a vacina incluem as gestantes, pessoas com baixa imunidade por doença ou uso de medicação e alguns grupos de pessoas que tenham o vírus HIV.

Outra informação que é importante destacar é que a vacinação é indicada em nutrizes e lactantes, podendo, inclusive, ser administrada depois do pós-parto, para evitar a contaminação infecciosa.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Nota Técnica Conjunta. Sociedade Brasileira de Pediatria, Sociedade Brasileira de Imunizações e Sociedade Brasileira de Infectologia, 2018.

Alergia ao Leite de Vaca, 2019.

 

Leia também