fbpx

6 alimentos que ajudam a prevenir o câncer

Postado em 5 de fevereiro de 2020 | Autor: Colunistas Convidados

Alice Pinho

Alice Pinho* é nutricionista

Você sabia que somente cerca de 5% dos cânceres surgem exclusivamente devido a “genes maus”, enquanto os outros 95% ocorrem por conta da interação entre os genes e o ambiente, a dieta e os estilos de vida variáveis?

Isso acontece porque o jeito como nos alimentamos, movimentamos, pensamos e sentimos no nosso dia a dia tem muito mais impacto para o desenvolvimento de uma câncer.

Segundo a Organização Mundial da Saúde, se o ser humano tiver uma alimentação adequada desde os primeiros anos de vida, ele é capaz de prevenir um terço das mortes causadas por câncer.

Mudanças alimentares

Atualmente, o câncer é a segunda causa de morte por doença mais comum no Brasil, ficando atrás apenas das cardiovasculares. E em alguns estados já ocupa a primeira colocação, como no caso do Rio Grande do Sul.

E o que podemos fazer para melhorar essa estatística? Primeiramente, o ideal é cuidarmos da nossa saúde, especialmente da alimentação. Vários estudos já mostram que os alimentos industrializados, processados e refinados, cheios de aditivos químicos, açúcar e farinha refinados, gordura trans e saturadas, estão relacionados com o aumento de risco para câncer, principalmente aliado a outros fatores como sedentarismo e obesidade.

Por outro lado, há vários alimentos que possuem nutrientes e fitoquímicos considerados antioxidantes e que ajudam no combate ao câncer. Que tal introduzi-los na sua alimentação?

Alimentos que ajudam a prevenir o câncer

Vale a pena consumi-los!

Brócolis

Da família das brássicas, o brócolis possui compostos que ajudam no combate ao câncer, como os isotiacianatos e o indol-3 carbinol. Outros alimentos que têm esses compostos são: a couve, a couve-flor e o repolho.

Frutas roxas e vermelhas

Diversas frutas possuem substâncias conhecidas como polifenóis, que podem ajudar no combate ao câncer. Podemos citar como exemplo o morango, o mirtilo, a cereja, a acerola, a jabuticaba, a pitanga e até uma de origem brasileira: o açaí.

Tomate, melancia e goiaba

São alimentos ricos em licopeno, uma substância com potencial antioxidante e que ajuda também no combate ao câncer.

Cacau

Apesar de ser uma fruta, o seu maior consumo é na forma de chocolate. O ideal é que o consumo moderado seja daquele chocolate com 70% ou mais de cacau, que é rico em catequinas, epicatequina e procianidinas. Além do chocolate, o alimento pode ser consumido na forma de cacau em pó ou nibs (sementes trituradas e torradas).

Cúrcuma

Também conhecida como açafrão-da-terra, é uma raiz rica em curcumina, substância que possui ação anti-inflamatória e anticâncerígena. Pode ser consumida na forma de chá ou como tempero no arroz, no frango, no ovo ou até em sucos.

Alho e cebola

Ricos em alicina e quercetina, também possuem um papel importante no combate ao câncer.

 

*Alice Pinho é nutricionista formada há mais de 20 anos em Nutrição pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e especialista em Nutrição Oncológica pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA). Atuou como professora universitária por mais de sete anos em disciplinas como Fisiopatologia da Nutrição, Fisiologia e Patologia e, por seis anos, na pós-graduação de Nutrição Clínica Funcional da VP (Vitalidade Positiva), como professora da disciplina Doenças Imunológicas e Câncer. Possui uma vasta experiência em atendimento de pacientes com câncer e já atendeu mais de 4 mil durante sua carreira. Atualmente mora nos EUA, é palestrante em cursos e congressos e ministra aulas online.

Leia também



Assine nossa newsletter: