fbpx


Coalhada seca: aprenda duas versões dessa deliciosa receita árabe

Postado em 26 de janeiro de 2021 | Autor: Redação Nutritotal

Uma delas é vegana e ideal para intolerantes à lactose

Preparada desde a antiguidade na era da Mesopotâmia, a coalhada seca surgiu por meio de um acidente durante a fermentação do leite. Hoje, a receita tornou-se um marco na cultura arábica, acompanhando quibes, tabules, pães e saladas. O preparo caiu até no gosto dos brasileiros, um dos maiores fãs da coalhada seca árabe.

A boa notícia é que não é preciso visitar um restaurante do gênero para ter acesso a essa iguaria. Dá para prepará-la em casa! Neste post, a nutricionista Roberta Lara ensina duas versões do prato: a tradicional e, ainda, uma vegana, ideal para quem não consome produtos de origem animal e intolerantes à lactose.

Aprenda as receitas a seguir e no final do post confira os motivos para consumir o prato, altamente nutritivo.

Como fazer coalhada seca árabe

Coalhada seca árabe em pote sobre mesa de madeira

Imagem: Freepik

Versão tradicional

Tempo de preparo: 24h
Rendimento: 1 porção

Ingredientes:

  • 2 litros de leite integral pasteurizado
  • 1 pote de iogurte natural sem açúcar
  • Pano de algodão (novo e limpo)

Modo de preparo:

  1. Coloque o leite em uma panela e leve ao fogo até ferver.
  2. Desligue o fogo e deixe o leite esfriando.
  3. Adicione o iogurte e misture bem.
  4. Tampe a panela, envolva com uma toalha de mesa e coloque em um forno (desligado) por 8 a 12 horas para deixar descansar.
  5. Retire do forno e desembrulhe a panela.
  6. Coloque uma peneira sobre uma panela ou tigela, coloque o pano de algodão sobre a peneira e despeje o preparo. É importante que o soro não tenha contato com o fundo da peneira.
  7. Cubra e leve para a geladeira para dessorar por 4h a 15h.
  8. Retire a coalhada da peneira, lave o pano, guarde o soro na geladeira.
  9. Coloque a coalhada em recipientes bem lavados e secos.

Dica: Aumente a durabilidade usando talheres limpos para servir e evitar contaminação.

Coalhada vegana

Tempo de preparo: 2h30 min.
Rendimento: 1 porção

Ingredientes:

  • 1 xíc. (chá) de castanha-de-caju crua hidratada em água por 2 horas
  • 250 g de tofu firme
  • Suco de 1 limão
  • 1 col. (sopa) de azeite extravirgem
  • Sal a gosto
  • Folhas de hortelã para decorar

Modo de preparo:

  1. Escorra as castanhas-de-caju e bata com o tofu, o limão e o azeite no liquidificador.
  2. Coloque o sal e/ou outros temperos, se quiser.
  3. Decore com um fio de azeite e folhas de hortelã.

Força e resistência

Tanto a versão tradicional quanto a vegana da coalhada são ricas em cálcio e vitamina D. Isso porque o leite, o iogurte e o tofu são alimentos ricos nesses nutrientes, que, por sua vez, podem ajudar na saúde dos dentes e dos ossos.

A receita é indicada, em especial, para pacientes idosos, que podem perder vitamina D e cálcio conforme avançam na idade. Além disso, por ser uma pasta, a coalhada é mais fácil de digerir para esse grupo etário.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Roberta Lara é proprietária e responsável técnica do Instituto de Nutrição Roberta Lara. Mestre e doutora em Investigação Biomédica, na área de Concentração Clínica Médica pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP). Pesquisadora colaboradora do Laboratório de Genômica Nutricional (LABGEN) da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Membro do Núcleo de Nutrição e Saúde Cardiovascular do Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Membro do Comitê Científico Consultor Institucional Life Sciences Institute (ILSI). Também é colunista do Nutritotal Público Geral. Instagram: @robertasoareslara Facebook: Instituto de Nutrição Roberta Lara.

International Osteoporosis Foundation (IOF), 2019.

Tabela Brasileira de Composição de Alimentos, 2014.

-

Assine nossa newsletter: