fbpx


Sódio, potássio ou cálcio: qual mineral colabora mais para baixar a pressão?

Postado em 1 de maio de 2021 | Autor: Redação Nutritotal

Controle de nutrientes é importante para evitar o risco da hipertensão

Quando o assunto é hipertensão, a alimentação logo é lembrada. Afinal de contas, além do tratamento medicamentoso, essa comorbidade que atinge aproximadamente um em cada quatro brasileiros pode ser controlada por meio de uma alimentação equilibrada. E para aqueles que não sofrem da doença, mas tampouco querem vir a desenvolver o problema, vale o mesmo alerta: os alimentos são grandes aliados preventivos. Mas além do já conhecido sódio e seus perigos, quando consumido em excesso, a ciência descobriu outro mineral que se ingerido em menores quantidades contribui para baixar a pressão. Descubra a seguir.

Mão segurando miniatura de coração de crochê

Imagem: Freepik

Mineral para baixar a pressão

Cientistas de um estudo publicado no The Journal of Nutrition compararam como a ingestão de diferentes minerais pode modificar a pressão arterial. Os pesquisadores avaliaram a diferença entre a ingestão de sódio, potássio, cálcio e magnésio em alimentos e suplementos para pressão arterial. No total, mais de 8.000 adultos foram examinados.

Como resultado, altos níveis de ingestão de sódio e de potássio estavam entre os fatores de risco para a hipertensão arterial. Em compensação, a ingestão de cálcio mostrou ter o efeito contrário, podendo ser uma aliada no controle desse problema de saúde.

A recomendação portanto, segundo os cientistas, é optar por doses menores de suplementos de sódio e potássio para proteger o organismo contra a hipertensão. A dose de sódio limite sugerida pela Organização Mundial da Saúde é de até 2 g desse mineral por dia.

Dieta aliada

O estudo mostrou que a ingestão de cálcio pode colaborar com o controle da pressão alta. Uma dieta muito recomendada para essa finalidade, e que oferece bons níveis de cálcio, é a DASH. No vídeo a seguir a nutricionista Renata Gonçalves fala mais sobre esse tipo de alimentação e os cinco passos para colocá-lo em prática:

Inscreva-se no canal do Nutritotal Para Todos no YouTube e veja também o depoimento de uma paciente sobre como a alimentação contribuiu com o seu tratamento de hipertensão.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Connie M. et al. Mineral Intake Ratios Are a Weak but Significant Factor in Blood Pressure Variability in US Adults. The Journal of Nutrition, 2018.

Hipertensão é diagnosticada em 24,7% da população, segundo a pesquisa Vigitel. Ministério da Saúde, 2019.

-

Assine nossa newsletter: