fbpx


O que é bom para digestão: 4 formas de cuidar da sua saúde digestiva

Postado em 29 de maio de 2020 | Autor: Redação Nutritotal

Veja práticas que podem ajudar a prevenir problemas gastrointestinais

Má digestão, azia, úlceras, estomatite… as doenças e condições ligadas ao sistema digestivo são inúmeras, e elas precisam de atenção e cuidado para não se tornarem um quadro ainda mais grave para a saúde.

Por isso, adotar bons hábitos é uma atitude importante para dar o primeiro passo na prevenção.  Além de uma dieta equilibrada com acompanhamento de um nutricionista e a prática de atividades físicas, separamos a seguir mais alguns passos que podem te auxiliar com a saúde digestiva. Confira:

O que é bom para digestão

Certos hábitos alimentares e de vida podem contribuir com o bom funcionamento do intestino.

Homem comendo cereais, iogurte e morangos

Iogurte, cereais e frutas com fibras são uma ótima combinação para a saúde digestiva | Imagem: Shutterstock

Pare de fumar

Um estudo publicado pelo Frontiers in Immunology apontou que o tabagismo é um importante fator de risco para distúrbios gastrointestinais, como úlcera, doença de Crohn e vários tipos de câncer. Além disso, fumar pode causar danos nas mucosas e alterações no intestino. Por isso, para fumantes vale procurar por grupos de ajuda e tratamentos que auxiliem a largar o cigarro.

Consuma mais probióticos

De acordo com um artigo de revisão do ISRN Nutrition, alguns laticínios, em especial o iogurte, continuam sendo fontes importantes para a entrega de bactérias probióticas na alimentação. Seus benefícios podem incluir uma melhoria na saúde intestinal, na resposta imune, na redução do colesterol e na prevenção do câncer. No entanto, mais pesquisas são necessárias para determinar todos os seus efeitos na saúde.

Evite situações de estresse

A depressão e o estresse, segundo um artigo do Journal of Neurogastroenterology and Motility, podem estar relacionados a várias doenças digestivas e podem ser fatores que afetam a síndrome do intestino irritável. A depressão também pode ser uma causa do câncer gástrico, de acordo com os pesquisadores.

Ingira mais fibras

As conclusões de uma pesquisa divulgada pelo Critical Reviews in Food Science and Nutrition apontam que uma dieta rica em fibras alimentares é considerada saudável e que seu efeito benéfico está principalmente relacionado à digestão. Por isso, fontes de alimentos ricos em fibras, como leguminosas (feijões, lentilha, ervilha, grão-de-bico), cereais integrais, frutas e legumes, podem ser importantes para ajudar na prevenção de problemas digestivos.

Assista também: 5 plantas para ajudar na digestão

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

Referências bibliográficas:

Berkowitz L. et al. Impact of Cigarette Smoking on the Gastrointestinal Tract Inflammation: Opposing Effects in Crohn’s Disease and Ulcerative Colitis. Frontiers in Immunology, 2018.

Maria K. et al. Health Benefits of Probiotics: A Review. ISRN Nutrition, 2013.

Lee S. et al. The Effect of Emotional Stress and Depression on the Prevalence of Digestive Diseases. Journal of Neurogastroenterology and Motility, 2015.

Capuano E. The behavior of dietary fiber in the gastrointestinal tract determines its physiological effect. Critical Reviews in Food Science and Nutrition, 2017.

-

Assine nossa newsletter: