fbpx

Atuação do nutricionista na sociedade moderna

Postado em 5 de maio de 2017

Cynthia Antonaccio é nutricionista e mestre em Nutrição Humana Aplicada pela Universidade de São Paulo. Possui MBA em Marketing de Serviços (2008) pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM).

Empresária na área de nutrição, fundou a Equilibrium, empresa com foco em comunicação em saúde e nutrição e qualidade de vida corporativa, em que atualmente desempenha função de diretora.

Como parte de sua experiência, ministra várias palestras nas suas áreas de expertise: nutrição, saúde, nutrição comportamental, marketing, planejamento estratégico, tendências no mercado de alimentos, bebidas, suplementos; comunicação em saúde e nutrição, comportamento do consumidor, inovação e comunicação para indústria de alimentos, empreendedorismo.

1.   Quais são os principais desafios da sociedade moderna para o nutricionista?
Ao mesmo tempo que temos uma sociedade ávida por melhor qualidade de vida e por entender sobre alimentação saudável, o nutricionista clínico divide hoje esta demanda com celebridades fitness das mídias sociais que conquistam o público. E, não diferente de outros profissionais tem o dilema da tecnologia – que pode ser um aliado ou competidor.  O desafio está no encontro de um posicionamento único em sua atuação, fazendo valer suas credenciais, associando tecnologia ao seu conhecimento.

 2.   Como se dá a atuação do nutricionista nos meios de comunicação social?
O nutricionista se deu conta de que é necessário participar. Talvez os nutricionistas mais maduros e consolidados em sua profissão, e com a maior bagagem de conhecimento, não estejam presentes de forma ativa, pois não nasceram numa era digitalizada. Os mais novos, porém, da geração millennial, que se tornaram profissionais utilizando as tecnologias estão se arriscando, o que é ótimo! Alguns acertam, outros erram bastante. E um ajuste será necessário. Um conhecimento de gestão de marca pessoal, habilidades de comunicação e uso de ferramentas será necessário para que este novo profissional atue nas mídias de forma a não perder seu maior diferencial: a ciência, a ética, a postura e o profissionalismo.

3.   Com a rápida disseminação de informações sem valor científico no dia-a-dia, como o nutricionista pode utilizar a internet a seu favor?
Justamente com a ciência. Fazendo-se valer de uma postura profissional, e valendo-se de conteúdos embasados. Porém, sem perder a comunicação clara, fácil de ser entendida pelo leigo!

4.   Qual a sua visão geral sobre a atuação do nutricionista?
O nutricionista está em um momento riquíssimo pois o assunto NUTRIÇÃO deixou de ser nicho para ser algo relevante no mercado e na mente da sociedade. Porém, é uma profissão jovem, que necessita de revisão em vários setores, desde curricular até do código de ética, para que possa estar mais competitivo no mercado. Por ser uma profissão de cunho técnico, falta conhecimento sobre comunicação e tecnologia, gestão de carreira e visão empreendedora. Está é uma bandeira que tenho levantado bastante, gerado algumas palestras e trazido de forma enfática aos nutricionistas.

Leia também