Consumo de lácteos e risco de Câncer de Bexiga

Postado em 1 de julho de 2019 | Autor: Marcella Gava

Estudos de coorte mostram se produtos lácteos possuem ou não relação com o câncer de bexiga

Estudo investigou possíveis associações entre ingestão de laticínios e risco de câncer de bexiga (CB). Para isso, os autores avaliaram 13 estudos de coorte que atenderam aos critérios de elegibilidade. Esses trabalhos contemplaram um número de 3590 indivíduos com CB e 593.637 indivíduos controles sadios. Foram analisados os dados alimentares destes indivíduos, bem como dados demográficos e se eram fumantes. Informações sobre consumo de leite e derivados foram coletadas dos formulários e quantificadas.

Os indivíduos com CB tinham idade média de 60,6 anos, sendo a maioria homem (75%). Nenhuma associação foi observada entre consumo de leite líquido, leite processado, ou produtos lácteos e risco do câncer. Quando os produtos lácteos foram analisados individualmente, não foi encontrada associação entre o consumo de creme de leite, queijo ou sorvete e aumento do risco de CB, entretanto, uma associação inversa foi observada apenas para consumo de iogurte quando comparados consumidores e não consumidores (RR 0,88), , independente do consumo ser moderado (54g/dia) ou alto (130g/dia).

Dessa maneira, os autores concluíram que não há evidência da associação de leite, leite processado, produtos lácteos (creme de leite, queijo ou sorvete), com o risco de câncer de bexiga. Ainda, encontraram uma evidencia sugestiva de que o consumo de iogurte pode reduzir o risco de CB.

Referência:

Acham M et al. Intake of milk and other dairy products and the risk of bladder cancer: a pooled analysis of 13 cohort studies. Eur J Clin Nutr. 2019 Jun 17.

Leia também