fbpx


Sarcopenia define prognóstico de pacientes com câncer colorretal

Postado em 2 de outubro de 2015 | Autor: Alweyd Tesser

Um estudo conduzido por pesquisadores japoneses demonstrou que a presença de sarcopenia pré-operatória define pior prognóstico em câncer colorretal. Os autores afirmam que vários estudos têm confirmado a estreita relação entre a perda de massa muscular e pior prognóstico em pacientes oncológicos, e nesse contexto, partiu o interesse de avaliar o significado prognóstico da depleção de massa muscular esquelética em pacientes com câncer colorretal (CRC) ressecável.
 
Trata-se de uma análise retrospectiva de 220 casos consecutivos de CRC (estágio I-III), submetidos à ressecção curativa, de um único centro de tratamento. A área muscular esquelética foi medida no momento pré-operatório através de tomografia computadorizada. Foram obtidos dados de corte na altura da terceira vértebra lombar (L3), com os valores normalizados para altura ao quadrado. Os pacientes foram divididos em quartis e o último quartil definido como sarcopenia.
 
Os desfechos avaliados foram sobrevida livre de recorrência, sobrevida global e sobrevida câncer-específica.
 
Dos 220 pacientes avaliados, 55 (25%) foram diagnosticados com sarcopenia. A massa muscular esquelética foi associada com índice de massa corporal (IMC) e número de linfonodos afetados (p=0,016). A diminuição em 10cm²/m² no índice musculo esquelético foi associado a 66% de aumento no risco de recorrência da doença (95%; CI1,14 – 2,42).
 
Comparado aos pacientes do grupo sem sarcopenia, os pacientes do grupo com sarcopenia apresentaram menor sobrevida livre de recorrência em 5 anos (56% e 79%, respectivamente, p=0,006), menor sobrevida global em 5 anos (68% e 85%, respectivamente, p=0,015) e menor sobrevida câncer-específica em 5 anos (82% e 91%, respectivamente, p=0,026).
 
“Observamos que a sarcopenia foi associada significativamente com maior morbidade em pacientes submetidos à ressecção curativa de CRC”, concluem os autores. “São necessários mais estudos prospectivos para esclarecer os efeitos benéficos dessas terapias para pacientes com CRC”, afirmam.
Referência (s)

Miyamoto Y, Baba Y, Sakamoto Y, Ohuchi M, Tokunaga R, Kurashige J, et al. Sarcopenia is a Negative Prognostic Factor After Curative Resection of Colorectal Cancer. Ann Surg Oncol. 2015; 22(8):2663-8.

Cadastre-se e receba nossa newsletter