5 maneiras de substituir o sal na hora de cozinhar

Postado em 31 de janeiro de 2019 | Autor: Redação Nutritotal

Conheça outras maneiras de temperar os alimentos com saúde e sabor

O excesso de sódio na dieta é a causa de doenças como hipertensão arterial. Por isso, maneirar na sua principal fonte, que é o sal de cozinha, é uma necessidade que muitas pessoas possuem, já que ele é um ingrediente básico na maioria dos pratos salgados. Contudo, é possível substituir o sal por opções saborosas, aromáticas e que, de quebra, têm menos ou até mesmo nada de sódio.

Listamos a seguir 5 alternativas para quem quer substituir o sal no preparo de refeições. Confira:

5 formas de substituir o sal

Para reduzir o consumo de sódio é hora de usar outros temperos que são igualmente saborosos, mas muito mais saudáveis.

Mão de mulher espremendo limão em salada

O limão pode substituir o sal | Imagem: Shutterstock

1 – Use e abuse do alho

Aqui está um dos alimentos mais tradicionais da nossa cultura, usado tanto como tempero quanto em receitas caseiras contra males como a gripe. Contém vitaminas e minerais, mas seu principal constituinte é a alicina, um fitoquímico responsável pelo aroma e sabor característicos. Possui propriedades que ajudam a diminuir as taxas de glicose no sangue (antidiabéticas), reduzem a pressão arterial (hipotensivas) e controlam as taxas de colesterol (hipolipidêmicas). Isso significa que seu consumo é seguro para pacientes com diabetes, hipertensão e colesterol alto. Sua versão em pó pode temperar carnes e saladas e, além disso, combina bem ao ser misturada com cebola.

2 – Prepare um suco de limão

Uma excelente fonte de vitamina C (essencial para a imunidade no corpo), o suco de limão é uma alternativa ao sal, já que dá sabor e acidez aos alimentos. Seja na marinada ou na finalização, ele combina com peixes, frangos, legumes e até sobremesas. Se preferir o sabor um pouco mais presente, raspe a casca de um limão-taiti ou siciliano e polvilhe diretamente na receita já pronta.

3 – Experimente o sabor do cominho

Proveniente da família da salsa, o cominho é uma semente seca bastante usada no Norte e no Nordeste do Brasil. Com sabor acentuado, é fonte de vários nutrientes, como potássio, vitamina A, ferro e cálcio. Pode ser usado para temperar tanto carnes magras, como o frango, quanto carnes mais gordas, como a bovina. Também pode ser usado em pratos à base de ovos ou queijo.

4 – Dê uma chance à pimenta

Para os fãs de comida picante, não há dúvidas na hora de substituir o sal pela sua contraparte, a pimenta. Seja a caiena, a do reino, a dedo de moça, ou qualquer outro tipo, além do ardor, ela oferece benefícios ao coração e ao metabolismo, graças a uma substância chamada capsaicina. Harmoniza pratos como saladas, sopas, carnes e lanches.

5 – Prove o vinagre balsâmico

Geralmente, seu uso é associado às saladas, mas pode muito bem combinar com carnes, aves, legumes e frutos do mar. Ajuda na hora da digestão, além de combater radicais livres que causam o envelhecimento. Seu uso não se estende apenas ao lado salgado ou cítrico dos alimentos, pois pode ser usado com essências adocicadas, de chocolate e café, para compor sobremesas como sorvetes e iogurtes.

 

Este conteúdo não substitui a orientação de um especialista. Agende uma consulta com o nutricionista de sua confiança.

 

Referências bibliográficas:

ALONSO, J. Tratado de Fitofármacos e Nutracêuticos. 1ed. São Paulo: AC Farmacêutica, 2016.

CHOUDHARY, Prema Ram; JANI, Rameshchandra D.; SHARMA, Megh Shyam. Effect of Raw Crushed Garlic (Allium sativum L.) on Components of  Metabolic Syndrome. Journal Of Dietary Supplements, 2017.

International Food Foundation, EUA, 2018. Acesso em 21 de Janeiro de 2019.

 

Leia também