fbpx

Estudos clínicos demonstram benefícios da ingestão rotineira de probióticos no aumento da motilidade intestinal e redução do tempo de trânsito intestinal?

Postado em 11 de maio de 2016 | Autor: Tatiana Olivato Carvalho

Sim. Algumas cepas probióticas são usadas em alimentos com objetivo de regular o trânsito intestinal. Um estudo duplo cego realizado com 72 adultos saudáveis verificou que o consumo diário de bebida láctea fermentada com Bifidobacterium animalis DN 173 010 reduziu o período de trânsito colônico total em 21%.

Antoine e col. mediram o tempo de trânsito oro-fecal antes e após o consumo de bebida láctea com probióticos em idosos saudáveis. Os autores concluíram que a bebida contendo probiótico reduziu o período de trânsito intestinal.

Um estudo transversal, duplo-cego, randomizado, realizado na França, avaliou se o consumo de iogurte com probióticos influenciava o tempo de trânsito intestinal em mulheres. O estudo observou que as mulheres que consumiram o iogurte com a cepa Bifidobacterium animalis DN 173 010 apresentaram menor tempo de trânsito colônico total e menor tempo de trânsito na porção sigmóide, quando comparadas com o grupo controle.

O mecanismo que esses probióticos tem em diminuir o tempo de trânsito intestinal ainda não é totalmente conhecido. Sugere-se que a bactéria atue reduzindo o tônus do sigmóide e/ou estimule a motilidade do cólon.

Bibliografia

Chaussade S, Khyari A, Roche H, Garret M, Gaudric M, Couturier I. Determination of total and segmental colonic transit timer in constipated patients. Dig Dis Sci. 1989; 34(8):1168-1172.

Bouvier M, Meance S, Bouley C, Berta JL, Grimaud JC. Effects of consumption of a milk fermented by the probiotic Bificobacterium DN 173 010 on colonic transit time in healthy human. Biosci Microflora. 2001; 20(2):43-48.

Antoine JM, Turched P, Laurenzano M, Auboiron S. Effect of a specific probiotic on gut transit time in elderly: a randomized controlled pilot study J Nutr Health Aging. 2003; 7(2):75-7.

Leia também