fbpx

Padronização de Terminologia na DRC

Postado em 26 de outubro de 2020 | Autor: Roberta Ciudi

Para especialistas, a padronização de termos auxilia na melhora de desfechos após intervenções

Consenso elaborado pela SBN em conjunto com o Asbran e BRASPEN/SBNPE teve como objetivo identificar os potenciais instrumentos para auxiliar no planejamento de treinamento e implementação de terminologia padronizada em nutrição no Brasil, destinado a nutricionistas que trabalham com pacientes renais crônicos.

O documento elucida a importância da padronização de termos e de instrumentos de nutrição, principalmente para uso em prontuários e registros eletrônicos de saúde, a fim de melhorar qualidade dos dados e os desfechos de intervenções.

Uma série de questões foram identificadas para elaboração do consenso, divididas em tópicos relacionados a triagem, processo de cuidados, e sistema de gestão de resultados para pacientes com DRC. Abaixo você pode conferir as recomendações com alto nível de evidência:

Triagem

Para aplicação de triagem, o consenso recomenda que seja aplicado o MST (Malnutrition Screening Tool) em pacientes com DRC em risco de desnutrição, pelo menos uma vez ao mês.

Padrão de Referência Para Ingestão Diária de Nutrientes

As diretrizes KDOQI (coloca o link para o resumo dessa diretriz que já tem no site) Nutrição são recomendadas como padrão de referência para a ingestão diária de nutrientes para pacientes com DRC, servindo como guia para as etapas de Avaliação e Reavaliação.

Alguns instrumentos podem ser utilizados como referência para a ingestão diária de alimentos para a DRC nos estágios 1-5: Meu Prato, Pirâmide Mediterrânea e Plano de Dieta DASH.

Leia também: Doença Renal Crônica – Diretriz KDOQI 

Gestão de Resultados

O principal foco da gestão de resultados deve ser focado na desnutrição, que pode ser separada por faixas de idade.

Alguns outros indicadores relacionados a intervenções em nutrição são: ganho de peso interdialítico, fósforo, cálcio, vitamina D, bicarbonato séricos e glicemia ou hemoglobina glicada.

Leia o consenso na íntegra através do PDF abaixo.

 

  • DOWNLOAD

Referência

Asbran

Leia também