fbpx

Nutrição Enteral Precoce e Adequação Nutricional melhoram inflamação e desfechos clínicos de Pacientes Críticos

Postado em 24 de setembro de 2018 | Autor: Michelle G. Barone

Nível de inflamação podeinfluenciar o prognóstico de pacientes críticos. Estudo retrospectivo teve comoobjetivo avaliar a influência da adequação precoce da terapia nutricional narelação neutrófilos/linfócitos (RNL – divisão de números absolutos da contagemdessas células), sendo essa relação uma medida de resposta inflamatória.

Dados de 161 pacientes adultos admitidosna UTI foram avaliados, incluindo informações sobre exames laboratoriais, tempode início da Nutrição Enteral, adequação calórica e proteica, déficit calórico eproteico de 5 dias, tempo de permanência hospitalar, dias de ventilaçãomecânica, e mortalidade hospitalar.

As análises identificaram que após3-5 dias de início da NE, maior déficit calórico foi associado a menores valoresde RNL (P = 0.005), e maior tempo de permanência na UTI (P = 0,006). O tempo deinternação na UTI também foi menor para os pacientes com menor déficit proteico.Menores valores de RNL foram relacionados ao menor tempo de internaçãohospitalar, menor tempo de permanência na UTI, menos dias de ventilaçãomecânica, e menor mortalidade intra-hospitalar.

Indivíduos com maior RNL após 3 a5 dias de baixa adequação nutricional tiveram taxa de mortalidade hospitalarsignificativamente maior que o grupo  commenor RNL (41% vs 13%, P = 0,002). Essas diferenças foram independentes de idade,sexo e escore APACHE II.

Os autores concluíram que NE precoceestá associada à redução da RNL e melhores resultados. Esses efeitos benéficossobre a inflamação e catabolismo podem explicar parcialmente o mecanismo peloqual NE precoce e adequada se traduz em melhores desfechos clínicos observadosem vários estudos.

 

Referência:

Ortiz-Reyes LA, Chang Y, Quraishi
SA, Yu L2, Kaafarani H, de Moya M, King DR, Fagenholz P, Velmahos G, Yeh DD. Early Enteral Nutrition Adequacy Mitigates the Neutrophil-Lymphocyte
Ratio Improving Clinical Outcomes in Critically Ill Surgical Patients.
Nutr Clin Pract. 2018 Sep 10.

 

Leia também