fbpx

O que são alimentos funcionais?

Postado em 22 de outubro de 2020 | Autor: Roberta Ciudi

Seus compostos bioativos podem prevenir e controlar doenças como DM2 e DCNT

De acordo com a ANVISA, os alimentos funcionais são alimentos ou ingredientes reconhecidos por promoverem efeitos benéficos à saúde, além de suas funções nutricionais básicas, classificados em: carotenóides, fitoesteróis, flavonóides, fosfolipídios, organosulfurados, polifenóis e probióticos

Tais alimentos apresentam em sua composição, além de macro e micronutrientes, compostos bioativos que possuem ação metabólica e fisiológica específica, como redução do colesterol, ação antioxidante, atividade anti-inflamatória, entre outras. Entretanto, vale ressaltar que os estudos demonstram efeitos positivos desses alimentos, apenas quando em conjunto com uma ingestão alimentar adequada e balanceada.

Veja abaixo os principais compostos bioativos que possuem estudos que investigam sua ação:

 

Quadro 1: Compostos bioativos e suas funções. 

Composto Como agemFontes
Sulfetos AlílicosRedução de colesterol, pressão sanguínea, redução do risco de câncer gástrico, contribuição para sistema imuneAlho e cebola
LignanasInibição de tumores hormônio-dependentesLinhaça e noz-moscada
Ácidos graxos ômega-3Redução do LDL colesterol, ação anti-inflamatória e importante papel no desenvolvimento do cérebro em recém nascidosPeixes marinhos (sardinha, salmão atum…)
IsoflavonasRedução dos sintomas de menopausa e anti-câncerSoja e derivados
Luteína e Zeaxantinaação antioxidante e proteção contra degeneração macularFolhas verdes (luteína) e pequi (zeaxantina)
FlavonóidesAtividade anti-câncer, ação anti-inflamatória, antioxidante e vasodilatadorasoja, frutas cítricas, tomate, pimentão, alcachofra, cereja
Fibras solúveis e insolúveisRedução do risco de câncer de cólon, aumento da motilidade intestinal. Fibras solúveis podem auxiliar no controle glicêmico e tratamento da obesidade devido a promoção de saciedadeCereais integrais (aveia, centeio, farelo de trigo), Leguminosas (ervilha, lentilha, feijão, grão-de-bico), frutas com casca

Fonte: Anvisa, 2015.

Padrões alimentares que incentivam o consumo variado de todos os alimentos e valorizam alimentos frescos, como frutas, legumes e verduras, assim como a Dieta Mediterrânea e dietas vegetarianas, garantem o consumo de diversos alimentos ricos em compostos bioativos capazes de promover benefícios à saúde.

 

Referências:

Abenavoli L, Boccuto L, Federico A, Dallio M, Loguercio C, Di Renzo L, De Lorenzo A. Diet and Non-Alcoholic Fatty Liver Disease: The Mediterranean Way. Int J Environ Res Public Health. 2019 Aug 21;16(17):3011. doi: 10.3390/ijerph16173011. PMID: 31438482; PMCID: PMC6747511.

Suzan M. et al. Neuroprotective Potential of Allium sativum against Monosodium Glutamate-Induced Excitotoxicity: Impact on Short-Term Memory, Gliosis, and Oxidative Stress. Nutrients, 2020.

Ministério da Saúde

Anvisa 

 

Leia também