>

Glossário: I

A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

icterícia

Pigmentação amarelada da pele e mucosas devido ao aumento da concentração de bilirrubina no sangue. Associa-se a doenças hepáticas, da vesícula biliar ou a hemólise.

IGF

Sigla de insulin-like growth factor. Ver fator de crescimento insulina-símile.

ileocolonoscopia

Exploração visual do terceiro segmento do intestino delgado (íleo) entre o jejuno e o ceco, e da parte do intestino grosso compreendido entre o ceco e o reto (cólon). Feita por meio do endoscópio, com finalidade diagnóstica ou terapêutica.

ileostomia

Criação temporária ou definitiva de ânus artificial por meio da fixação da porção proximal do íleo seccionado à pele abdominal e por onde podem ser eliminadas fezes.

impedância

Capacidade de resposta de um circuito elétrico percorrido por uma corrente alternada. A medida de sua magnitude se dá pela raiz quadrada da soma dos quadrados da resistência e da reactância associadas ao circuito. Em nutrição, a impedância bioelétrica ou bioimpedância é utilizada na medida dos compartimentos corpóreos de massa magra e massa gordurosa, principalmente.

imunossupressão

Redução da capacidade de um indivíduo para produzir respostas imunológicas normais frente aos estímulos antigênicos adequados.

inductância

Ver indutância.

indutância

Razão entre o fluxo magnético total que atravessa um circuito elétrico e a intensidade da corrente elétrica.

infecção

Contaminação ou invasão do corpo por um microrganismo parasito, que pode ser um agente patogênico ou não, principalmente vírus, bactérias, fungos, protozoários ou helmintos.

inflamação

Complexo dinâmico de reações citológicas e químicas em resposta a uma lesão ou estímulo anormal produzidos por um agente físico, químico ou biológico.

infusão

Preparação extrativa que resulta do contato da planta com água fervente. Indicado para folhas e flores.

inquérito alimentar

Estudo do hábito alimentar ou dieta habitual do paciente, realizado por nutricionista e feito por meio da tomada de informações (anamnese) geralmente de um recordatório de 24 horas ou de 3, 7 ou 10 dias. São registrados o conteúdo alimentar ingerido em termos de quantidade, qualidade e freqüência, e os problemas digestivos, as doenças e os distúrbios psicológicos identificados ou relatados.

Cadastre-se e receba nossa newsletter